Como vender pelo WhatsApp: 10 Dicas infalíveis

Descubra técnicas e estratégias que o ajudarão a vender todos os dias

De acordo com a pesquisa “Estado do Mundo Móvel 2020”, realizada pela App Annie - um dos maiores portais de estatísticas e análises de aplicativos - em 2019, o WhatsApp foi o aplicativo mais baixado no Brasil e no mundo.

Diariamente, milhões de brasileiros utilizando o aplicativo para comunicar-se com amigos, familiares, colegas de trabalho e, claro, com negócios. É exatamente considerando a popularidade do aplicativo que diversos negócios transformaram o WhatsApp em um de seus canais de atendimento.

Se você também usa este canal de comunicação para atender clientes e gerar mais oportunidades de negócios, certamente gostará de acompanhar nossas dicas sobre como vender pelo WhatsApp para impulsionar seus resultados.

1. Utilize o WhatsApp Business

O primeiro passo para começar a vender pelo WhatsApp é utilizar a versão para negócios do aplicativo.

Reconhecendo que diversas empresas já utilizam-o como uma ferramenta de atendimento ao cliente, a empresa desenvolveu o WhatsApp Business, que apresenta recursos e ferramentas projetadas para ajudá-lo a acompanhar a comunicação e atender melhor.

Alguns dos recursos exclusivos nessa versão são:

Estes recursos fazem a diferença na hora de organizar seus contatos e agilizar o atendimento via WhatsApp. Não deixe de aproveitá-los ao máximo.

Mesmo que você já tenha começado a usar o app padrão, não se preocupe, migrar para a versão Business não é nada difícil.

Venda mais no WhatsApp Business

2. Forneça um link do WhatsApp

Como você sabe, é possível adicionar contatos no aplicativo diretamente a partir do número de telefone dos usuários, assim como através do compartilhamento de contatos com outras pessoas durante uma conversa.

Porém, além destes métodos, existe uma forma mais prática de enviar seu contato aos clientes de seu negócio.

Através de um link do WhatsApp, seus consumidores poderão começar a conversar com você a partir de um único clique.

Utilize este recurso para trazer mais clientes para este canal e, consequentemente, aumentar suas oportunidades de negócios geradas no aplicativo.

Para saber como criar um link do WhatsApp, basta conferir nosso guia. É realmente bem simples e, a partir disso, você poderá divulgá-lo nas redes sociais ou até mesmo na página de seu negócio.

3. Use listas de transmissão ao invés de grupos

Criar um grupo para todos os clientes é um erro comum entre empreendedores que estão apenas começando a aprender como vender pelo WhatsApp.

Se o seu objetivo é enviar uma única mensagem que poderá ser vista por todos os contatos no aplicativo, a lista de transmissão é a forma ideal de fazê-lo, pois evita que seus próprios clientes possam ver as respostas e reações de outros consumidores - como acontece em um grupo.

Além disso, grupos de clientes também abrem a oportunidade para que consumidores façam de suas reclamações algo público à outros clientes de seu negócio - ao invés de tratá-los individualmente, de forma particular.

Com a lista de transmissão, você ainda enviará a mensagem simultâneamente para quantos contatos quiser, mas eles a receberão em sua conversa particular.

4. Compartilhe promoções e conteúdo com seus clientes

Aproveite suas listas de transmissão para enviar conteúdo aos seus clientes diretamente no WhatsApp, transformando-o também em um canal de marketing digital para seu negócio.

Assim, você pode aproveitá-lo para enviar imagens promocionais, alertas de descontos, lembretes sobre seu programa de fidelidade, entre outras ofertas.

Não deixe também de aproveitar gatilhos mentais, como gerar o senso de urgência, compartilhar conteúdos de prova social, entre outras técnicas de atração, com o objetivo de aumentar suas oportunidades de negócios.

Essencialmente, todas as boas práticas que você utiliza no email marketing podem ser aplicadas nas listas de transmissão do WhatsApp, considerando claro, as limitações do aplicativo.

Porém, certifique-se que o cliente deseja participar de sua lista de transmissão e que queira receber estas promoções, caso contrário, este tipo de anúncio será detrimental à experiência do consumidor.

Faça anúncios através de listas de transmissão

5. Use os Status do WhatsApp com frequência

O WhatsApp, assim como o Facebook Stories e Instagram Stories também conta com uma seção para publicações instantâneas com duração limitada, sendo esta a seção de status.

Todo status publicado através do aplicativo ficará visível aos contatos adicionados em seu perfil. Portanto, aproveite-o como uma painel de publicidade dentro do aplicativo e compartilhe imagens com chamadas para suas ofertas e promoções.

Esta é uma excelente forma de compartilhar anúncios sem se preocupar em ser intrusivo através de mensagens diretas, enviadas para uma de suas listas de transmissão, por exemplo.

Usuários poderão visualizar as publicações por um período de 24 horas e, caso estejam interessados, terão a oportunidade de iniciar uma conversa com você imediatamente. Para que possa realmente aprender como vender pelo WhatsApp é importante saber como explorar e aproveitar ao máximo todos os recursos oferecidos pelo aplicativo.

6. Personalize a comunicação

Independente do canal de atendimento em questão, personalizar a comunicação entre seu negócio e cada consumidor é crucial para melhorar suas chances de vendas.

Por isso, certifique-se de coletar informações relevantes sobre o perfil de seus clientes, como suas preferências, dores, desafios, interesses, entre outros dados acionáveis de acordo com seu nicho de mercado.

Considere todos estes dados e comece a trabalhar de forma segmentada, ou seja, garantindo que sempre enviará conteúdo e promoções relevantes de acordo com o perfil dos consumidores.

Se necessário, crie diferentes listas de transmissão, segmentadas de acordo com as categorias de produtos com qual trabalha. Assim, poderá otimizar seus esforços e investir tempo apresentando ofertas que realmente possam ser de interesse do cliente.

7. Prepare um banco de imagens

Ao falar sobre como vender pelo WhatsApp, não poderíamos deixar de comentar sobre os preparativos que você deve fazer para otimizar o atendimento online, como por exemplo preparar um banco de imagens nos dispositivos com o aplicativo instalado.

Um banco de imagens organizado, com as fotos de seus produtos, pode ajudá-lo a potencializar suas chances de venda através deste canal, tendo em vista que, diferente de um chat online, ele não está presente na página de seu negócio ou diretamente em sua loja virtual.

Assim, para manter uma comunicação mais fluida, você pode compartilhar imagens com seus clientes para apresentar produtos, confirmar pedidos, etc.

8. Fique atento ao tempo de resposta

O tempo de resposta é uma métrica de atendimento ao cliente utilizada para medir o intervalo desde a primeira mensagem enviada pelo consumidor até a primeira resposta.

Infelizmente, por mais que o WhatsApp Business seja muito usado entre negócios de médio e grande porte, ele não é uma ferramenta de atendimento profissional, como é o caso de ferramentas de chat online como o JivoChat ou mesmo sistemas de help desk.

Dessa forma, você não poderá acompanhar este tipo de métrica a partir de relatórios detalhados diretamente no aplicativo, mas isso não significa que você não deva considerá-las para garantir o padrão de qualidade no atendimento.

Certifique-se de configurar suas mensagens automáticas de boas vindas e, dentro de seu horário comercial no qual estará disponível no aplicativo, resposta aos clientes o quanto antes.

Para exemplificar, consumidores podem estar acessando a página de seu negócio ou sua loja virtual, prontos para tomar uma decisão de compra assim que conseguirem tirar uma dúvida.

Além disso, lentidão no atendimento é um das maiores reclamações em relação à este setor. Por isso, ser ágil no atendimento impactará significativamente suas vendas pelo WhatsApp.

9. Faça pesquisas de satisfação

O WhatsApp Business não oferece uma ferramenta nativa que te permite fazer pesquisas de satisfação durante um atendimento, mas você ainda pode utilizar ferramentas externas, como o próprio Google Forms para enviar pesquisas de satisfação através de listas de transmissão.

Assim, poderá acompanhar seu desempenho, medir índices de satisfação e identificar pontos fortes e fracos para que possa continuamente melhorar seus serviços e atender melhor.

O atendimento ao cliente está diretamente relacionado às suas chances de vendas e, por isso, esta dica sobre como vender no WhatsApp é crucial para aqueles que desejam maximizar seus resultados.

Como vender mais pelo WhatsApp

10. Integre-o aos seus demais canais de atendimento

Por fim, considere integrar o WhatsApp Business à uma ferramenta de atendimento profissional para que tenha mais controle sobre os chamados abertos e consiga gerenciar uma equipe de representantes.

Você pode, por exemplo, integrar o WhatsApp ao JivoChat e acompanhar todas as mensagens recebidas de contatos no aplicativo em uma única plataforma, juntamente às suas sessões de atendimento no chat online em sua página, nas redes sociais, entre outras integrações.

Isso também te permite gerar relatórios mais detalhados para que possa rastrear o número de atendimentos realizados no WhatsApp, além de poder aproveitar a conveniência do aplicativo mais popular em conjunto com as funcionalidades robustas de uma ferramenta profissional.

Para saber como vender mais pelo WhatsApp através dessa integração, não deixe de conversar com nossa equipe aqui no chat. Desejamos cada vez mais vendas!

Aprendeu como vender pelo WhatsApp?

Esperamos que consiga alavancar seus negócios através do aplicativos de mensagens e melhorar suas vendas através das dicas apresentadas neste conteúdo. Entretanto, lembre-se que vender pelo WhatsApp não precisa necessariamente substituir outros canais de vendas online.

Por isso, não deixe de aproveitar para conferir como você pode criar uma loja virtual e abrir seu próprio negócio digital sem a necessidade de saber programar através de uma plataforma de ecommerce profissional.

2020/03/ 3

Se gostou deste artigo, também pode gostar destes ...

Dicas para ecommerce, conversão e atendimento