Qual a importância da matriz BCG para uma empresa?

Confira o que é e como criar uma matriz BCG

Para aplicar a Matriz BCG em uma estratégia, primeiro é necessário entender o seu contexto e qual a sua finalidade. Por meio dela, uma marca consegue avaliar o posicionamento de seus produtos no mercado.

Quem trabalha com marketing há um tempo conhece essa ferramenta, mas é natural que muitas pessoas tenham dúvidas ou ainda não sabem o que é.

A Matriz é baseada em uma estratégia simples, mas que ajuda a entender o quanto determinado produto tem potencial para estar no mercado.

Com base nas informações fornecidas por essa técnica, a organização consegue tomar as melhores decisões sobre seus investimentos e ações de marketing.

Tudo isso com a ajuda de uma estratégia fácil e barata de ser aplicada, mas que ainda assim, pode mudar completamente a realidade do seu negócio para melhor.

No entanto, que é preciso usá-la do jeito certo para que a empresa tenha acesso a resultados reais e assertivos, levando em consideração que não existe nenhum segredo por trás de sua aplicação.

O primeiro passo é saber quais são seus campos, depois entender como ela pode ajudar nas estratégias de marketing e, por fim, por que é importante para as empresas. Por isso, se você quer entender melhor sobre a Matriz BCG, acompanhe a leitura deste artigo.

Campos da Matriz BCG

A Matriz BCG surgiu no final dos anos 1960 e foi elaborada por Bruce Henderson. Ela nada mais é do que um gráfico que analisa como está determinado produto no mercado, dentro de dois eixos que são “crescimento de mercado” e “participação relativa de mercado”.

Pelo fato de ter sido pensada para as necessidades das organizações, como uma empresa de limpeza de bancos automotivos, ela pode ser adaptada a qualquer modelo de negócios.

Só não é possível utilizá-la em empresas que ainda estão sendo planejadas, por não haver informações disponíveis o suficiente. Aliás, quanto mais informações acerca de um produto e seu mercado, melhor.

Mesmo tendo surgido há bastante tempo, a Matriz BCG é perfeita para a era digital que vivemos hoje, bastando apenas que as análises sejam feitas de modo a acompanhar as mudanças constantes no mercado.

Para fazer a análise dos produtos, a Matriz BCG se baseia em 4 campos, que são:

Além de analisar um produto que já circula no mercado, como cadeado para bicicleta, as empresas também conseguem avaliar como está o desenvolvimento do negócio. Para você entender melhor, vamos explicar em detalhes o conceito de cada quadrante:

1. Estrela

A estrela significa um produto de alto crescimento e com boa participação no mercado. Também são aqueles que geram boa rentabilidade e dependem de altos investimentos.

O que o mantém bem posicionado no mercado é seu alto índice de vendas, mesmo que para isso a marca precise investir em divulgação.

São produtos com alto potencial, mas que ainda não estão estabilizados. No entanto, quando se estabilizam, eles passam a ser considerados vaca leiteira.

2. Vaca leiteira

São aqueles produtos considerados indispensáveis, consolidados no mercado e que dispensam grandes investimentos para suas vendas.

São eles os responsáveis pela estabilização da receita de um negócio, que mesmo crescendo pouco, trazem um retorno seguro.

É o caso, por exemplo, de uma bomba centrifuga vertical, que traz ótimos retornos porque já está no mercado há um bom tempo.

Por outro lado, dificilmente um produto que acabou de ser lançado vai fazer parte desse quadrante. Quando lançado, ele se encaixa na categoria interrogação, depois se torna estrela ou abacaxi.

Somente quando ele se estabiliza no mercado e tem uma boa aceitação se torna uma vaca leiteira. Os itens que aqui se encontram são os que arrecadam verbas suficientes para investimentos naqueles em outras categorias.

3. Interrogação

Aqui estão aqueles produtos considerados inovadores, pois exploram um mercado novo e ainda estão com uma adesão baixa por parte do público.

Mesmo assim, quando há um investimento apropriado, eles demonstram ter um excelente potencial. Também é válido dizer que esse tipo de mercadoria é fundamental para que os negócios continuem crescendo.

Se uma fabricante de sauna seca portátil explora novos mercados, acaba abrindo mais chances de descobrir itens que se encaixem na categoria vaca leiteira. Por outro lado, também podem terminar com um produto abacaxi.

4. Abacaxi

Na Matriz BCG, os produtos abacaxi são aqueles que já estão na reta final, ou seja, já não trazem mais lucro para a sua fabricante.

Isso pode acontecer porque se tornaram obsoletos, em vista da evolução tecnológica ou porque suas vendas já não compensam mais seus investimentos.

É importante para qualquer empresa saber quando um de seus produtos se encaixa nessa categoria, uma vez que cada um deles demanda recursos para sua fabricação e divulgação.

Como a Matriz BCG ajuda nas estratégias de marketing?

Mais do que permitir que uma empresa avalie o desempenho de seus produtos no mercado, essa técnica também colabora com as decisões de marketing.

Por exemplo, se ao aplicá-la uma empresa de aluguel compressor descobriu que determinado modelo já saiu do mercado e não é mais procurado pelos consumidores, ela não investirá em campanhas que promovam esse produto.

Ela pode focar seus esforços naqueles modelos de compressor ou marcas que realmente estão em alta no mercado.

Um outro exemplo é uma empresa descobrir que o produto X já se tornou uma vaca leiteira, e que não precisa mais investir em estratégias de divulgação e lançamento como antes.

Esse produto já se consolidou no mercado e é conhecido das pessoas, garantindo, assim, uma receita fixa para os ganhos da organização.

Com isso, a marca pode destinar o dinheiro das campanhas desse item para outro com potencial para ser uma estrela ou para um lançamento de produto.

Por que essa técnica é importante para os negócios?

Depois de ler até aqui, com certeza você já percebeu que a Matriz BCG é uma maneira muito eficiente de analisar produtos e marcas.

Por meio dela, uma clínica que faça preenchimento labial em boca pequena consegue elaborar boas estratégias para investimento, além de possibilitar um melhor mapeamento do próprio negócio.

Saber qual a real condição de um produto ou serviço no mercado, bem como de sua marca, é essencial para desenvolver bem a empresa.

Conforme a organização cresce, diversas decisões importantes precisam ser tomadas, e a maioria está relacionada à maneira como você vai empregar seus esforços e seus investimentos.

Como mostramos no tópico anterior, por meio da Matriz BCG, uma empresa de laudo de opacidade, por exemplo, vai poder investir naquele item que promete bons lucros para ela.

Em outras palavras, haverá uma distribuição melhor dos investimentos, de maneira assertiva e direcionada àquilo que realmente importa. Nada de gastar com o que não traz retorno e focar naquilo que promete vendas e reconhecimento para a empresa.

Essa situação é bastante comum entre as empresas de sucesso. Aliás, todas elas também possuem o que chamamos de “portfólio de produtos variados”.

Nesse portfólio, as empresas detalham as diferentes taxas de crescimento e participação no mercado, o que traz mais estabilidade para a organização.

Com as interrogações, estrelas e vacas leiteiras bem estabelecidas, fica mais fácil investir nelas e se livrar daqueles produtos que acabaram indo para a categoria abacaxi. Afinal, por que investir em algo que não compensa?

Mesmo que ele tenha tido uma história de sucesso para a sua organização, é o momento de focar naquilo que realmente importa. Imagine, por exemplo, se as fabricantes de brinquedo tivessem mantido sua fabricação de 1980?

Com exceção das pessoas que compram itens do tipo por serem colecionadores, as empresas estariam desperdiçando recursos para um público completamente diferente e muito mais voltado à tecnologia.

Por meio da Matriz BCG, tanto uma empresa de pintura de fachada predial quanto qualquer outra consegue equilibrar melhor seus produtos e investir no que realmente importa.

Afinal, quando a marca entende os produtos que geram capital e os produtos que consomem capital, ela consegue planejar melhor suas ações, o que resulta em crescimento.

Em outras palavras e de maneira resumida, distribuir tudo o que a empresa produz entre as quatro categorias da matriz auxilia nas tomadas de decisão.

Conclusão

O mercado está cada vez mais competitivo e as empresas precisam conhecer bem sua estrutura e seus produtos para que possam investir em ações direcionadas àquilo que vale a pena.

É uma maneira de levar até o público itens que sejam do interesse dele e que estimulem a compra. Mas tudo isso sem perda de tempo e se ações sem fundamento, que não trazem retornos promissores.

Também é uma maneira de valorizar o seu negócio e expandir a sua atuação em outros mercados, conquistando novos público e descobrindo novas possibilidades.

Sendo assim, a Matriz BCG é uma estratégia que ajuda a guiar as empresas de maneira única, simples e barata, sem precisar gastar esforços com opções que não valorizam os produtos certos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.*

2020/11/19

Se gostou deste artigo, também pode gostar destes ...

Dicas para ecommerce, conversão e atendimento