O Crescimento do Ecommerce Brasileiro e a Alta das Vendas Online

Acompanhe o crescimento e aproveite o momento para abrir sua loja online

Você provavelmente já fez ou conhece alguém muito próximo que tenha feito ao menos uma compra online nos últimos anos. O comércio eletrônico vem crescendo a passos largos em todo o mundo, e no Brasil não é diferente. Cada vez mais brasileiros estão priorizando as compras via Internet, o que tem impulsionado o aumento do número de lojas virtuais no mercado.

Com o faturamento do setor em ampla expansão e milhões de pedidos efetivados ao longo do ano, micro e pequenos empreendedores, empresas de todos os portes e grandes marcas mundiais estão concentrando seus esforços no mundo digital.

Para se ter uma ideia da força do e-commerce, de acordo com dados divulgados pela Compre&Confie, somente no 1º trimestre deste ano foram registrados cerca de R$17 bilhões de faturamento, número 23% maior que no mesmo período do ano anterior.

E tem mais, a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico – ABComm, ampliou a expectativa de faturamento até o final do ano. Estima-se que o comércio eletrônico chegará próximo dos R$80 bilhões, atingindo a casa de 265 milhões de pedidos.

É ou não é promissor?

Aproveite o momento

As vendas online já deixaram de ser uma tendência tem algum tempo. Tornaram-se uma realidade e ainda com muito potencial de crescimento. Quem ingressou nos anteriores teve a oportunidade de se consolidar, mas ainda há espaço para muitas lojas.

A consultoria BigDataCorp, em conjunto com o Paypal, realizaram uma pesquisa que indicou alguns dados importantes. São atualmente cerca de 930 mil sites ativos atuando na área do e-commerce. O salto em relação ao ano passado foi de 37,59%, maior aumento registrado desde 2014.

Alie sua loja com as redes sociais

Uma situação que estava ocorrendo de maneira mais intensa até o último ano era o uso apenas das mídias sociais para realizar vendas. Ou seja, a maioria dos empreendedores utilizava apenas o perfil de seu negócio nas redes sociais para divulgar e vender produtos.

Com a criação em larga escala de lojas durante os últimos meses, esse índice caiu de 80% para 65,02%. Isso indica que mais pessoas passaram a focar em ter sua própria página na Internet, personalizando loja, marca, cadastrando produtos e realizando a divulgação de um endereço web personalizado.

Isso não significa que você não precise mais das redes sociais. Mesmo que você tenha sua loja online, o ideal é que você alie suas estratégias com algumas mídias, principalmente Facebook e Instagram pelo alcance em larga escala.

Você pode divulgar sua marca e seus produtos através dos perfis nas redes, direcionando seu público para a loja, onde eles terão acesso a informações mais completas.

Leia também: 5 Motivos Para Trabalhar com o Facebook Ads no Ecommerce

O crescimento do ecommerce brasileiros e influência das redes sociais

Divulgue sua loja

Outro aspecto positivo para quem ainda está pensando se compensa ingressar no mundo do e-commerce é que até mesmo o tempo médio de vida das lojas aumentou. Alguns anos atrás a média era de apenas 3 meses. Ou seja, muita gente se arriscou no comércio eletrônico, mas não teve muito sucesso e encerrou o projeto poucos meses depois.

Hoje, mesmo com a concorrência ainda mais acirrada, esse tempo médio já subiu para pouco mais de 1 ano. O que não significa também que você já inicia seu negócio com os dias contados.

A média acaba levando em consideração lojas que não receberam o devido planejamento, investimento e divulgação. Nada no comércio acontece naturalmente, é preciso se preparar adequadamente para ter sucesso.

Se você deseja entrar no mundo das vendas online, é necessário estudar sobre o comércio eletrônico, suas características, as boas práticas, as ferramentas mais indicadas. Quem se prepara para o desafio, certamente conquista resultados mais satisfatórios e terá vida longa no e-commerce.

É hora de vender online

É quase impossível não se apegar a números. E quando falamos de comércio eletrônico, todos os índices apresentados ao longo do artigo revelam o potencial enorme do mercado de vendas online.

Faça o seu planejamento, mas não perca mais tempo. Quanto antes você buscar uma plataforma de e-commerce e montar sua própria loja, mais chances de aproveitar esse momento positivo você terá!

2019/07/24

Se gostou deste artigo, também pode gostar destes ...

Dicas para ecommerce, conversão e atendimento